quarta-feira, 16 de abril de 2014

BPM, EPM e Estratégia



Muito se pergunta o que é mais importante Estratégia ou Execução. Acredito que esta pergunta não faz muito sentido, tendo em vista que Estratégia sem processos é nau sem vento, são eles que impulsionam a organização e processos sem estratégia é nau sem timão, é ela que fornece o rumo a ser seguido para o alcance dos objetivos da organização.

Vimos na semana passada a importância do desenho da Cadeia de Valores e que a mesma decompõe a organização nas atividades que produzem valor para o cliente. Para o conhecimento do que é valor para o cliente é preciso que se entenda bem o negócio da organização através de sua Missão: porquê  existimos, sua Visão de Futuro: onde queremos chegar e seus Valores: norteadores de conduta.

A partir da análise dos ambientes interno (fraquezas e fortalezas) e externo (oportunidades e ameaças) os objetivos estratégicos sao traçados, projetos são elaborados, metas são estabelecidas e acompanhadas por meio de indicadores, formando  um ciclo PDCA*.

EPM (Enterprise Process Management) ou Gerenciamento Corporativa de Processos é assim definido pelo CBOK 3.0:
…é a aplicação de princípios, métodos e práticas de BPM em uma organização para (a) assegurar o alinhamento entre o portifolio e a arquitetura de processos ponta a ponta com a estratégia e os os recursos da organização e (b) proporcionar um modelo de governança para o gerenciameno e a avaliação de inicativas de BPM.
Os projetos BPM, segundo essa abordagem, no momento em que o nível de maturidade da organizacao permita, já não devem ser mais pensados isoladamente, por meio de iniciativas incrementais, mas levando em conta todo o Sistema de Valores.

Essa visão de gerenciamento de processos é muito importante, na medida em que eleva as práticas de BPM  a um patamar mais amadurecido, no qual os processos são pensados transversalmente, rompendo as barreiras funcionais, de forma sistêmica e alinhados ao Planejamento Estratégico da organização.

O EPM também proporciona um modelo de governança a partir do qual os processos são submetidos a um gerenciamento contínuo, num ciclo virtuoso, onde se busque sempre o foco DO cliente.

Semana que vem estarei de férias,  retorno em maio para continuar trazendo temas relacionados ao mundo BPM. Ate lá.

_______________________

* Plan Do Check Act


Nenhum comentário :

Postar um comentário