Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2017

O FACIN na prática com o Projeto GEO - Parte 7

No post anteriorabordamos o detalhamento da visão Dados com a aplicação da dinâmica de Análise de Cenário utilizada na Oficina ABEP-FACIN, realizada pelo Serpro em parceria com a Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (ABEP). A dinâmica compreende as atividades de identificação do problema, modelagem, análise e construção dos cenários atual e proposto (solução do problema). Na PRODEMGE o cenário utilizado foi a implantação de uma solução corporativa de geoprocessamento no Estado de Minas Gerais, aqui identificada apenas como Projeto GEO. Nesta postagem abordaremos o detalhamento da visão Infraestrutura do Projeto GEO utilizando o Framework de Arquitetura Corporativa para Interoperabilidade no Apoio à Governança (FACIN), conforme figura 1. Figura 1: Detalhamento da visão Infraestrutura do Projeto GEO
2. Podemos observar que a função de ”Geração e atualização e dados geoespaciais” é a principal entidade que define o serviço de “Desenvolvimento …

Seleção de dados para a publicação de Dados Abertos (Conectados) – parte 1

Por Thiago Ávila*
Dando continuidade à nossa série de artigos sobre Dados Abertos (conectados), vamos apresentar a segunda melhor prática para a publicação de Dados Abertos Conectados, aplicando-os no contexto Governamental. Estes artigos têm como fundamentação a dissertação de mestrado, “Uma Proposta de Modelo de Processo para Publicação de Dados Abertos Conectados Governamentais”[1], onde desenvolvi uma revisão de literatura que identificou 70 recomendações para a publicação de Dados Abertos Conectados Governamentais, distribuído entre as 10 melhores práticas estabelecidas pelo W3C[12], que estão sendo exploradas em continuidade a esta série de artigos aqui no blog, cuja metodologia apresentei no artigo anterior.
Para identificar recomendações voltadas a implementar a segunda melhor prática, “2. Seleção de Conjuntos de Dados”, foi estabelecida a seguinte questão de pesquisa: “O que os processos de publicação de dados abertos (conectados) recomendam a ser feito para contemplar a melho…

Além da Cadeia de Valor

Segundo o BPM CBOK, o termo “negócio” refere-se a pessoas que interagem para executar um conjunto de atividades com objetivo de criar valor para seus clientes e outras partes interessadas (stakeholders). Abrange todos os tipos de organizações, públicas ou privadas, com ou sem fins lucrativos, e de qualquer porte ou segmento de negócio. Assim, a criação de valor é o que justifica a existência das organizações e de seus negócios.
Apesar de sua importância, o valor criado pelos negócios das organizações nem sempre é claramente definido e divulgado. Em organizações estabelecidas há muito tempo é comum que os produtos e serviços fornecidos se confundam com os objetivos que justificaram sua criação. Mais recentemente, o movimento Lean Startup revigorou a criação de valor como motivação básica dos negócios, e popularizou alguns instrumentos para trabalhar o conceito e sua formulação.

Independentemente de como seja formulada, a criação de valor depende da execução de diversas atividades interli…

Análise de Negócios no Poder Público - Parte 4 - Valor

Depois de explorar o conceito de Mudança no artigo anterior, convido você a acompanhar neste artigo sobre o elemento Valor.

Primeiramente, o que é valor?
Valor é a importância, relevância ou utilidade de algo para alguém. Vamos entender melhor esse conceito. É muito comum dizer que estamos "agregando valor". Mas o que isso realmente significa? Em tese, significa que entendemos qual é a necessidade de alguém e que a estamos satisfazendo. Portanto, para entregar valor precisamos considerar sempre os 2 elementos fundamentais:
Quem recebe o valor. Quais são as necessidades desse alguém.
Entender para quem entrega-se o valor é primordial. Quem é a parte interessada em questão? Quais são seus valores? Quais assuntos permeiam sua mente? Quais são suas preocupações? Que tarefas a parte interessada precisa executar? Essas perguntas precisam ser respondidas para melhor compreendermos quem realmente recebe o valor.
Uma das ferramentas que utilizamos para melhor compreender as partes interes…

O FACIN na prática com o Projeto GEO - Parte 6

No post anteriorabordamos o detalhamento da visão Aplicações com a aplicação da dinâmica de Análise de Cenário utilizada na Oficina ABEP-FACIN, realizada pelo Serpro em parceria com a Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Tecnologia da Informação e Comunicação (ABEP). A dinâmica compreende as atividades de identificação do problema, modelagem, análise e construção dos cenários atual e proposto (solução do problema).
Na PRODEMGE o cenário utilizado foi a implantação de uma solução corporativa de geoprocessamento no Estado de Minas Gerais, aqui identificada apenas como Projeto GEO.
Nesta postagem abordaremos o detalhamento da visão Dados do Projeto GEO utilizando o Framework de Arquitetura Corporativa para Interoperabilidade no Apoio à Governança (FACIN), conforme figura 1.
Figura 1: Detalhamento da visão Dados do Projeto GEO 2.
Entende-se por Política de Gestão da Informação o conjunto de diretrizes e normas com o objetivo de viabilizar produção, tratamento e disponibilização adeq…

As nove Visões do FACIN – Parte 4 – Negócios

Olá leitor!
No artigo anterior abordamos a Visão de Estratégia do Framework de Arquitetura Corporativa para Interoperabilidade no Apoio à Governança (FACIN). No artigo de hoje apresentaremos a Visão de Negócios.
O Governo agrega organizações que desenvolvem atividades que têm por objetivo a entrega de produtos ou serviços à Sociedade (cidadãos, governos, organizações e empresas), que é o seu principal cliente.
A Visão de Negócios do FACIN pode ser definida como a combinação de padrões arquitetônicos e de design, ferramentas e orientações que capturam as metas e os objetivos do negócio, e alinham os componentes da arquitetura de negócios (processos, regras, serviços, etc.) que os realizam. A construção de uma boa Visão de Negócios leva à melhoria dos sistemas, processos e resultados para a organização, principalmente relacionados à entrega de produtos e serviços à sociedade com a máxima eficácia, menor custo e máxima aderência às suas necessidades. 
A Visão de Negócios contém os eleme…