terça-feira, 29 de setembro de 2015

iXBRL contribui para a qualiadde dos dados financeiros

O Reino Unido fez uso do padrão iXBRL (Inline XBRL, que permite destacar dados XBRL em outros documentos) com grande impacto nos seus sistemas de informação, e o resultado disto foi que os dados ficaram mais acessíveis e confiáveis, bem como a redução dos custos de arquivamento para as entidades reguladas. A comissária da entidade americana SEC (Securities and Exchange Commission), Kara M. Stein, em declarações ao Instituto de Contadores Diplomados, na Inglaterra e no País de Gales, falou recentemente sobre a importância de se usar dados estruturados, e de se implementar o quanto antes esta abordagem.

Citando a capacidade da tecnologia para "melhorar tanto a entrega quanto a usabilidade dos relatórios financeiros" Stein destacou a importância de dados estruturados para os investidores e a necessidade de se certificar de que tais dados estão disponíveis. Porém, ela ressaltou que a SEC está atrasada por ainda não exigir o uso do iXBRL (já utilizado na Europa) e expôs sua convicção de que não usando iXBRL a SEC está contribuindo para a "pobre qualidade dos dados para os investidores e custos adicionais para as empresas". Mercados orientados por dados estão simplesmente exigindo mais. Ela passou a dizer que a SEC deveria seguir o exemplo do Reino Unido e "adotar medidas, como a exigência da utilização de iXBRL, para relatórios financeiros e de outros relatórios centrados em dados".

Nenhum comentário :

Postar um comentário